Literatura Russa

Para além da poética de Dostoiévski

Texto publicado originalmente no blog Ad Hominem, em agosto de 2013. Esta é a versão Director’s Cut do último artigo que publiquei na revista Vila Nova. Minha intenção era acrescer o artigo de alguns parágrafos onde eu discutiria mais detidamente trechos do livro de Bakhtin sobre Dostoiévski, tentando sintetizar os motivos pelos quais uma considerável parte da crítica… Continuar lendo Para além da poética de Dostoiévski

Literatura Russa

Dostoiévski e Herzen na Encruzilhada da História

Texto publicado originalmente no blog Ad Hominem, em abril de 2014. Juro que é a última vez que publico trechos do meu mestrado; é que o momento é realmente propício ao tema. O que vai abaixo são as páginas finais da minha dissertação. O texto não está adaptado e por isso o leitor vá perdoando… Continuar lendo Dostoiévski e Herzen na Encruzilhada da História

Literatura Russa

Dostoiévski entre a inspiração e a ideologia

Texto originalmente publicado  no blog Ad Hominem, em janeiro de 2014.   O texto abaixo é adaptado de um trecho da minha dissertação. Porque é possível infundir vida mesmo nos corpos mais cadavéricos. Quem não leu Os Irmãos Karamázov pode ler "O Grande Inquisidor" aqui. Sugiro que o faça não apenas para acompanhar este artigo, mas porque aí… Continuar lendo Dostoiévski entre a inspiração e a ideologia

Literatura Russa

De como Dostoiévski foi o primeiro olavete; e o desaparecimento iminente dos moderninhos com cara de nojo

Texto originalmente publicado no blog Ad Hominem, em novembro de 2012.   Escrevi recentemente um artigo sobre Dostoiévski onde avalio a relação deste com a noção de Ocidente e a cultura ocidental. O artigo foi lido por Joel Pinheiro e Julio Lemos e desagradou a ambos pelo que seria um excessivo tom “olavista-voegelinista”. (Nota: Não… Continuar lendo De como Dostoiévski foi o primeiro olavete; e o desaparecimento iminente dos moderninhos com cara de nojo

Literatura Russa

Enfrentando o Epílogo de “Crime e Castigo”

Texto publicado originalmente no blog Ad Hominem, em abril de 2013. Agora que meu mestrado entrou na fase ou vai ou racha, em que um ano e meio de leituras tem de começar a transformar-se em texto, achei que era também a hora certa para reler a obra literária de Dostoiévski. É claro que estou continuamente consultando… Continuar lendo Enfrentando o Epílogo de “Crime e Castigo”